Limpeza de Caixas de Gordura.

As caixas de gordura são importantíssimas para impedir que a gordura entre nos sistemas aeróbios e anaeróbios, afim de não provocar entupimento e colapso no tratamento.
Capacidade de acumulação de gordura entre cada operação de limpeza;
• Condições de tranqüilidade suficiente para permitir a flutuação do material;
• Dispositivos de entrada e saída convenientemente projetados para permitir ao afluente e efluente escoarem normalmente;
• Distância entre os dispositivos de entrada e saída suficiente para reter a gordura e evitar que esse material seja arrastado com o efluente;
• Condições de vedação suficiente para evitar o contato com insetos, roedores, etc.
Assim como no caso das instalações de água, a manutenção das instalações de esgotos dos imóveis é de inteira responsabilidade dos respectivos proprietários ou ocupantes.
A limpeza da caixa de gordura deve ser feita periodicamente, retirando-se os resíduos, sendo que os mesmos deverão ser transportados para local adequado de descarga.
Os vazamentos de esgotos sanitários representam um sério problema de saúde pública, em face dos altos riscos de contaminação que oferecem. Portanto, é absolutamente necessários que tenham todo cuidado com a manutenção, sendo recomendado pelo menos a cada 90 dias.
A falta de limpeza de sua caixa de gordura poderá lhe causar vários transtornos, tais como:

- Transbordamento através da tampa;
- Entupimento das canalizações;
- Escoamento lento da água pelo ralo da pia;
- Mau cheiro.
- Infecção do ambiente
Ao se resfriar, a gordura torna-se sólida e forma blocos, que irão entupir a rede de esgotos sanitários. Assim, é necessário, pelo menos a cada 90 dias , limpar a caixa de gordura.